Lesão SLAP

Uma lesão labral muito comum ocorre no topo do labrum, se estendendo de anterior para posterior. Esta lesão é chamada de lesão SLAP (uma sigla em inglês “superior labral anterior to posterior” tear que significa uma lesão do lábio superior de anterior à posterior). Esta lesão acomete a inserção do tendão do cabo longo do bíceps na glenóide. Uma lesão nesta região pode ser extremamente dolorosa e causar ruptura do cabo longo do bíceps.

Existem pelo menos cinco tipos de lesão SLAP. O tratamento depende da estabilidade do cabo longo do bíceps, do tipo de lesão, do perfil e idade do paciente. Essas lesões são normalmente resultado de uma queda com o braço estendido, uma força exagerada de levantamento de peso ou de esportes que envolvem arremesso, com movimentos repetitivos.
O tratamento ideal para este tipo de lesão é o cirúrgico artroscópico, permanecendo o tratamento conservador para os pacientes pouco sintomáticos que conseguem mudar os seus hábitos diários. (Normalmente em lesões tipo I).
È muito importante que o cirurgião determine se a lesão labral está ou não associada à instabilidade do ombro. Uma lesão do labrum quando associada à instabilidade do ombro só será corrigida adequadamente se o ombro instável for estabilizado no mesmo procedimento.